Reformulação do curso de pedagogia é grave ataque à educação

Após aprovação da BNCC pelo CNE, no último dia 4/12, e a apresentação da BNC da formação de professores, o MEC encaminha mais um nefasto ataque à educação brasileira: a proposta de modificação dos cursos de pedagogia. Segundo o esboço apresentado aos jornalistas pela secretária de Educação Básica, Kátia Smole, a ideia é que nos dois primeiros anos, os estudantes recebam uma formação comum em todas as instituições públicas e privadas de ensino superior, norteada pela BNC da formação de professores.

Durante um período inicial de dois anos, os estudantes terão aulas sobre políticas públicas, didática, conhecimentos sobre contexto e aprendizagem, além de aulas sobre a Base Nacional Comum Curricular.

Posteriormente, os estudantes poderão “escolher” uma área de aprofundamento: educação infantil, alfabetização ou anos iniciais do ensino fundamental, etapa que vai do 1º ao 5º ano. A previsão é que essa fase dure um ano.

Já o quarto ano de formação, será de especialização. Os futuros profissionais da educação deverão escolher entre gestão escolar, educação profissional, didática do ensino superior e educação especial.

Segundo a própria secretária de Educação Básica, a proposta que a princípio é apresentada para o curso de pedagogia, pode ser utilizada também para as licenciaturas – a depender das discussões feitas no âmbito do Conselho Nacional de Educação (CNE).

Este projeto representa um grave ataque à formação unitária do pedagogo, que deve incluir docência, pesquisa e gestão, fragmentando-o, o que o torna cada vez mais tecnicista e pragmático, atendendo aos interesses dos grandes monopólios educacionais que impõem seus mandos através de órgãos como o Banco Mundial.

A ExNEPe demonstra seu repúdio a mais esse ataque à nossa educação e reafirma que somente com a luta combativa do nosso povo, principalmente dos estudantes independentes, unificada com os trabalhadores da educação, é que podemos defender nosso ensino desses ataques. É preciso que sigamos o caminho da vitoriosa jornada de lutas de 2017 que barrou a falsa regulamentação da profissão do pedagogo, assim como o Dia D de combate à BNCC, as audiências públicas, e o último vigoroso 23 de Novembro.

Anúncios

Um comentário sobre “Reformulação do curso de pedagogia é grave ataque à educação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s