[PB]Entreguista Marcos Pontes ausenta-se em palestra na UFCG após manifestação de estudantes, servidores e sindicatos.

Reproduzimos nota da Liga da Juventude Socialista sobre a intervenção da Polícia Federal na universidade de Campina Grande, na Paraíba. Esse acontecimento se une a outras invasões feitas pela polícia à universidades, casos que têm acontecido pelo país e que são um ataque direto a autonomia universitária. A ExNEPe repudia essa ocorrência. Não devemos nos intimidar, esses são eles com medo, medo porque a juventude tem se rebelado e enfrentado cada ataque feito à educação. Isso mostra que a luta têm demarcado bem nosso caminho, e devemos seguir defendendo nosso direito a uma educação pública, gratuita, autônoma, democrática e a serviço do povo!

[Campina Grande] Entreguista Marcos Pontes ausenta-se em palestra na UFCG devido à manifestação de estudantes, servidores e sindicatos.

A Liga da Juventude Socialista repudia o caso em que estudantes, membros de sindicatos e servidores sofreram uma tentativa de serem barrados em prédio por seguranças e agentes da policia federal na UFCG.

Nesta sábado, 13 de abril, estudantes da Universidade Federal de Campina grande Campus Sumé, realizaram uma vitoriosa manifestação contra a visita do entreguista Marcos Pontes, Ministro da Ciência e tecnologia, à instituição. Que estava prevista para ocorrer na tarde do sábado.

Devido ao vitorioso protesto, Marcos Pontes, cancelou o compromisso mesmo estando presente na instituição, e fez um vídeo anunciando a sua ausência, mostrando a sua covardia quando é pra esta cara a cara com o povo. Os estudantes e servidores tinham em suas falas principais a contraposição ao corte do orçamento de 42% no investimento em ciência e tecnologia, a entrega da base de Alcântara ao EUA e fora Ianques da America Latina. E gritavam. “O Bolsonaro cara de pau é funcionário do Banco Mundial”, “pisa ligeiro, pisa ligeiro quem não pode com a formiga não assanha o formigueiro”, “ O astronauta foi bem veloz pegou a nave e foi encontrar Queiroz” e “se você paga, não deveria, educação não é mercadoria”.

Sem título

Todos os presentes na manifestação foram notificados pela reitoria da instituição com um convite para assistirem a palestra do ministro da ciência e tecnologia Marcos Pontes em Campina Grande. Seguranças e agentes da PF tentaram impedir os estudantes de entrarem na palestra do ministro na UFCG em Campina Grande.

Os agentes só se apresentaram em frente ao prédio após, a chegada de estudantes dos cursos de Licenciatura em Educação do Campo, Ciências Sociais e Engenharia de Produção, todos do campus de Sumé, também servidores da instituição e membros da ADUFCG. Como tentativa de intimidar os estudantes e servidores os agentes foram postos na entrada principal do prédio em que o ministro iria se apresentar, os manifestantes não se intimidaram e permaneceram em frente aos agentes de outras pessoas que viam assistir a palestra com o intuito de apoiar o Ministro. Após muitas palavras de ordem e de discussões com os agentes e reitor da UFCG, fomos liberados para entrar no auditório onde seria a apresentação, mais o Ministro acovarda-se e não teve coragem de entrar no auditório onde as massas combativas estavam presentes.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s