[PR] Estudantes se mobilizam em defesa da Autonomia Universitária na UFPR!

A UFPR passa por um período conturbado no que diz respeito à sua autonomia, que há muito tempo não passa de farsa. Os constantes cortes orçamentários, a perseguição à estudantes combativos e agora a ameaça de intervenção direta do MEC/ governo federal tornam a situação insustentável. Em meio à consulta pública para nomeação de reitor da instituição se apresentaram duas chapas, que embora diferentes na aparência conservam a mesma essência antidemocrática de sempre. O atual reitor Ricardo Marcelo, que carrega em seu histórico a marca de perseguir e processar estudantes venceu de lavada contra Horácio Tertuliano e sua chapa obscurantista, que prega contra a chamada “doutrinação comunista” nas universidades etc. Uma vez derrotado, tendo menos de 15% dos votos, Horácio passou à sua estratégia, nem um pouco original a essa altura, de questionar o processo eleitoral, visando ser nomeado interventor por Bolsonaro.

Desde antes mesmo do processo eleitoral muitos estudantes, professores e entidades democráticas já haviam alertado para este perigo, e se colocaram vigorosamente contrários à imposição por parte do MEC, ainda que o próprio Ricardo Marcelo não represente os interesses dos discentes. Com isso, os estudantes construíram um programa com todas as suas reivindicações, no qual também estava posto de forma bem clara qual era a base política destas, tratando sobre a importância da participação estudantil em todos os processos e da inevitável necessidade do co-governo estudantil¹. Bem como formaram na UFPR uma Frente em Defesa da Autonomia Universitária.

Sua primeira ação foi uma atividade presencial realizada na Praça Santos Andrade onde os estudantes e algumas pessoas que passavam ao redor, fizeram faixas, cartazes e colagem de lambes com consignas como: “Em Defesa da Autonomia Universitária”, “Não Aceitaremos Intervenção!”, “Derrubar os Muros da Universidade!”, “Fora Milicos da Universidade!”, “Pelo Co-governo Estudantil!” e “Abaixo o EaD!”. Essa foi a primeira de muitas atividades vitoriosas e os estudantes continuarão elevando sua luta em defesa da autonomia universitária e não aceitarão nenhum tipo de intervenção!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s