Vitorioso 23 de novembro ocorre com atos por todo o país contra a EaD!

Como parte do Plano de Lutas do 40º ENEPe, manifestações de norte a sul do Brasil foram convocadas para o 23 de novembro, Dia Nacional de Luta da pedagogia em Defesa do Ensino Público e Gratuito. Para atender o chamado da ExNEPe, estudantes, professores e ativistas realizaram atos contra a imposição da Educação à Distância (EaD)!

23/11 em Minas Gerais.

MINAS GERAIS

A Executiva Mineira de Estudantes de Pedagogia realizou uma vitoriosa e combativa manifestação em frente a reitoria da UFMG, conclamando a todos a barrar a imposição da EaD impulsionando o boicote nas universidades e escolas públicas, e a lutarem pela reabertura destas; esta é a única forma de garantir a autonomia e democracia nas escolas e universidades, além de colocá-las a serviço do povo num momento tão necessário como este de pandemia.

Na ação, foram chamadas palavras de ordem com as faixas estendidas em frente a reitoria. Logo após os estudantes foram até a avenida Antônio Carlos, em frente à universidade, e distribuíram aos carros o panfleto do dia.

Ao fim, foi feito um balanço extremamente positivo, destacando o papel de vanguarda e de luta da ExNEPe e ExMEPe, e a necessidade de se persistir, dar impulso e salto na luta por barrar a EaD e abertura das escolas e universidades, e da vinculação destas com Comitês Sanitários.

23/11 em Laranjeiras do Sul/PR

PARANÁ

No dia 23/11, dia nacional de lutas da pedagogia, manifestações simultâneas ocorreram em Curitiba e Laranjeiras do Sul às 10h da manhã. Os estudantes organizados pela Executiva Paranaense de Estudantes de Pedagogia, levantaram alto a bandeira do boicote à EaD na porta de suas universidades e em frente ao Palácio Iguaçu, sede do governo do estado.

Em Laranjeiras do Sul, em frente à Universidade Federal da Fronteira Sul (UFF) estudantes e professores organizaram uma oficina de cartazes, estenderam faixas e puxaram palavras de ordem contra a imposição da educação à distância. A UFFS, importante universidade do Sul do país, é uma das 14 IFES atualmente sob intervenção federal, a luta estudantil mais uma vez marca presença no interior do Paraná e demonstra que o estudantado não aceitará calado esta situação.

Em Curitiba estudantes se manifestaram em frente à Reitoria da Universidade Federal do Paraná, onde estenderam faixas e puxaram palavras de ordem contra a EaD. Posteriormente marcharam junto dos professores estaduais para fortalecer a luta contra a contratação de PSS e militarização das escolas do Paraná, bem como politizar com relação ao boicote à EaD por meio de panfletos e faixas. Os professores do estado, que já mantém 5 dias de greve de fome em frente ao Palácio, foram extremamente receptivos, demonstrando seu apoio ativo à causa estudantil e repúdio às aulas à distância.

Mais uma vez se comprova na prática a justeza do plano de lutas aprovado pela ExNEPe durante o 40º Encontro Nacional de Estudantes de Pedagogia, no qual os estudantes de pedagogia assumiram o compromisso de lutas com unhas e dentes em defesa do ensino público e gratuito e contra a EaD!

23/11 em Juazeiro/BA

BAHIA

Em Juazeiro, 10 estudantes atenderam a convocatória da Executiva Nacional de Estudantes de Pedagogia e se organizaram uma manifestação em frente à UNEB de Juazeiro. De lá saíram em ato pelas ruas e avenidas no entorno da universidade.

Puxando palavras de ordem e levantando faixas, os estudantes colocaram para a população as consignas que temos defendido de impulsionar a luta em defesa do ensino público e gratuito, barrando a EaD e pelo adiamento do ENEM. Além de defender que os espaços da universidade devem ser utilizados para servir ao povo na sua luta pela sobrevivência em meio a crise econômica e sanitária que já causou o falecimento de mais de 175 mil pessoas, segundo dados oficiais subnotificados.

Ao fim do ato, os estudantes amarraram as faixas na porta da universidade.

23/11 em Belém/PA

PARÁ

Estudantes de Pedagogia e Licenciaturas se organizaram para realizar manifestações entorno da defesa da educação pública e contra a EaD, seguindo o Plano de Lutas da ExNEPe. Os estudantes fizeram colagens em frente ao IFPa campus Belém. A atividade chamou bastante atenção dos transeuntes que paravam para ler as consignas.

23/11 em Guarulhos/SP

SÃO PAULO

Atendendo a convocatória da ExNEPe, a Executiva Paulista e o Centro Acadêmico de Pedagogia Cecília Meireles – Gestão E Vamos à Luta realizaram atividades no dia 23 de novembro, dia nacional de luta da pedagogia, em particular contra a imposição da EaD e os cortes orçamentários no Ensino Superior.

As atividades se iniciaram às 9h, onde os estudantes se reuniram num condomínio próximo ao campus da universidade e distribuíram panfletos sobre a pandemia, que detalhavam sobre os sintomas e maneiras de se prevenir do coronavírus, também foram distribuído máscaras descartáveis aos moradores. Eles foram muito receptivos, contando o que vêm passando durante esses meses de isolamento social e já demonstraram interesse em se juntar ao Comitê Sanitário que atua na região, participando das próximas atividades que vamos desenvolver.

À tarde, às 14h, os estudantes se encontraram enfrente a UNIFESP – campus Guarulhos e realizaram um ato em defesa da educação, contra a imposição da EaD e os cortes de verba para as universidades federais e com forma de impulsionar o boicote. Foram confeccionados cartazes e e faixas denunciando os ataques ao ensino público.

Os estudantes também foram incisivos em defender a abertura da universidade, não para o retorno do ensino presencial, mas para que a comunidade local possa usar a sua estrutura para se organizar e enfrentar as dificuldades da coronacrise, com confecção de máscaras e sabão, com reforço escolar. E mais: apenas com a abertura das universidades e colocando-as para servir os interesses do povo, poderão defendê-la dos cortes de verba, impedir seu fechamento e privatização.

23/11 em Dourados/MS

MATO GROSSO DO SUL

A Executiva-Sul-Mato-grossense de Estudantes de Pedagogia realizou ato pelo Dia Nacional de Luta da ExNEPE e 2º ato contra a Ead nas instituições públicas. Estudantes da UFGD e UEMS se reuniram em frente a Unidade 1 da UFGD, onde fica a Reitoria da UFGD, ainda sob intervenção, denunciando a imposição da Ead nas instituições públicas e reivindicando democracia e autonomia universitárias.

Entoando palavras de ordem como “interventora, preste atenção, aqui tem estudante que defende a educação!”, “ensino remoto é privatização, serve aos monopólios, sucateia a educação!” e “pelo direito de estudar e aprender, boicotar e barrar a Ead”. A fachada da Reitoria foi tomada por faixas e cartazes contra a Ead, pelo boicote e em defesa da Educação.

Também foi lida uma carta aberta aos professores, estudantes e demais trabalhadores da UFGD e UEMS, denunciando o projeto de implementação permanente da Ead através da substituição de alguns cursos presenciais por Ead e outros transformados em parcialmente Ead (chamados híbridos). Reivindicamos projetos de pesquisa e extensão que atendam aos interesses do povo, e exigimos a suspensão desse ensino remoto que é um atentado ao pensamento crítico e científico na universidade.

A interventora e sua assessoria, sem surpresas, mantiveram-se ausentes, reclusos em seus gabinetes, e não atenderam ao chamado dos estudantes, que estão há mais de 80 dias sem resposta para a proposta entregue de um Regime Acadêmico Complementar Temporário.

O ato serviu para reafirmar nosso compromisso com a Educação e nosso repúdio ao projeto de sucateamento e privatização das universidades que tem a implementação da Ead como seu carro-chefe. Mais do que nunca, temos também de defender a democracia e autonomia universitárias, que querem fazer definhar meio a tantos ataques. Os estudantes não faltarão à luta!

Viva o vitorioso 23 de novembro!

Barrar a EaD impulsinando o boicote!

Derrubar os muros da universidade, servir ao povo no campo e na cidade!

Defender a universidade com unhas e dentes!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s