Universidade Estadual de Maringá cancela bolsas estudantis por falta de verba

Em comunicado emitido no dia 07, a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UEM anunciou que não pagará as bolsas do mês de julho na data prevista (até o quinto dia útil), e informou que também não há previsão para a realização dos pagamentos em atraso.

Ainda, utilizando-se de resoluções e pareceres, a Universidade suspendeu todos os termos de compromissos referentes ao Edital 005/2021-DEX, rescindindo contrato com os bolsistas.

Tal situação se dá em meio ao enorme golpe que a educação pública superior vem sofrendo onde, só na UEM, o corte das receitas corresponde à 75% do orçamento pré-pandemia. Tamanha redução de investimento não impacta somente nas bolsas dos docentes, mas reflete em todo o funcionamento da Universidade, que já anunciou que, com o atual valor destinando à manutenção das atividades, pesquisas podem ser encerradas e a própria retomada das aulas presenciais não é possível.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s