Viva o vitorioso Pós-ENEPe em Goiás! 

Na última quinta-feira, 07/07, foi realizado o pós-ENEPe na região de Goiás. O evento aconteceu na Faculdade de Educação da UFG, tendo como tema “Em defesa da formação do pedagogo: contra os cortes de verba e a BNC Formação”. Estiveram presentes 27 estudantes da Pedagogia, e uma professora da FE. 

Após a saudação inicial de uma das estudantes, o evento foi aberto pela fala do companheiro Zé, representando a Executiva Nacional durante o evento. A exposição abordou os principais ataques organizados pelo atual governo genocida de generais em direção à privatização e sucateamento da educação pública em todos os níveis. Após apresentar o panorama político que pauta a luta atual defendida pela ExNEPe, o companheiro expôs algumas das vigorosas ações combativas organizadas e levadas a cabo por estudantes em todo o país em busca da reabertura das nossas Universidades, em defesa das condições de permanência e assistência estudantil. A exemplo a ocupação do bandejão da UERJ, a ocupação e reabertura independente do RU da UFPR, a recente ocupação da FAIND no Mato Grosso do Sul, e tantas outras vitoriosas manifestações do que pode a força estudantil quando organizada de forma independente e combativa no justo direito de reivindicar que a Universidade pública servir ao povo. Terminada sua exposição, o companheiro permaneceu presente durante todo o evento, mesmo que de forma remota. 

Em seguida, as estudantes que fizeram parte da delegação que foi ao 41° ENEPe, fizeram breve relato da experiência do encontro. Fora relatado a organização independente e impecável da C.O, a combatividade da vigorosa manifestação, assim como o elevado nível político, formativo e educativo das mesas e seus temas caros à luta do movimento estudantil comprometido com a defesa da educação e da revolução pelas mãos das massas. Foi reproduzido vídeo da Executiva Nacional com os registros da manifestação pelas ruas de Niterói. 

Por último, foi debatido entre as estudantes presentes as resoluções do CNE que tratam da Formação Inicial e Formação Continuada de professores da Educação Básica (n° 2 de 2019 e n° 1 de 2020). Várias alunas se denunciaram situações absurdas nos estágios, se posicionando quanto ao descalabro da ideia de uma “residência pedagógica” impositiva, que tornaria ainda mais inviáveis a permanência do povo dentro do Ensino Superior. Colocaram-se contra a carga horária mínima que representa o desmonte científico, especialmente dos cursos de Pedagogia, visando relegar aos filhos do povo tutores que reproduzam a BNCC, sem experiências formativas complexas e integrais e conformados em não formar cidadãos críticos. 

Finalizada a apresentação da Base Nacional Comum, a companheira do comitê do jornal independente A Nova Democracia fez uma fala de apoio e divulgação da nossa imprensa popular, disponibilizando a última versão do jornal que foi bem recebida entre as alunas. 

O Pós-ENEPe em Goiás é a reafirmação do compromisso da ExNEPe em organizar os estudantes à nível nacional. Formando a linha de frente da luta contra o fascismo de Estado anti-povo que tenta retirar das nossas mãos os rumos da educação pública, e ameaçando sua gratuidade conquistada historicamente também com muita luta. Assim como para convocar os estudantes para se organizarem e mobilizarem em defesa da nossa formação e futura atuação profissional autônoma, em defesa da ciência que sirva ao povo, através das greves de ocupação que façam tremer e se abrir em rachaduras todas as investidas que ameacem o tripé que baliza o funcionamento pleno e democrático das universidades públicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s